BMS – O que é? Porque é Obrigatório?

BMS – Battery Managment System

bms1

O que é?

BMS, não passa de um sistema necessário para garantir a vida útil das baterias de lítio.  É um sistema que acompanha cada célula da scooter, mantendo um controlo sobre os principais parâmetros operacionais durante o carregamento e descarregamento das mesmas, tais como, voltagem e corrente. Resumindo, é um circuito que controla e protege a bateria da scooter quer quando está ligada ao carregador: desligando este quando já todas as células estão correctamente carregadas; ou simplesmente cortando a potência do motor evitando que a bateria seja descarregada para além dos limites permitidos pelo fabricante. Em termos técnicos, é muito mais do que isto, sendo o único meio que garante a vida útil das baterias de lítio e sem o qual jamais será possível ter garantias de longevidade para a bateria da sua motaDe salientar ainda que o BMS permitirá retirar o máximo rendimento possível de um conjunto de células que constituem a bateria da mota.

Quais são as vantagens do BMS?

No caso das motas eléctricas com baterias de lítio, um BMS, conseguirá sempre retirar o máximo rendimento e ainda uma autonomia superior. Para além disso, a carga será mais rápida e eficiente. Isto deve-se ao facto das voltagens de todas as células estarem muito próximas, conseguindo uma carga mais rápida e sem desperdício de energia para efectuar o balanceamento entre elas.

Outra vantagem, extremamente importante, é que o BMS está sempre activo, mesmo durante a descarga normal da bateria, fazendo com que a corrente debitada pelo conjunto de células seja limitado, quando a capacidade do “depósito” está próxima do fim.

Porquê a necessidade de ter um BMS?

Os veículos eléctricos com baterias de lítio podem andar sem qualquer controlo das células, mas nunca será possível garantir que os ciclos de vida das mesmas  sigam as especificações do fabricante. Como é então possível garantir que num conjunto de várias células de lítio nenhuma passe a voltagem máxima quando está em carga ou a voltagem mínima em descarga especificadas pelo fabricante? A solução tem nome e chama-se BMS.

Para melhor compreensão:

O conjunto de células de lítio que constituí a bateria da mota eléctrica é constituído por dezenas de células. Tal como qualquer outro processo de fabrico, existem diferenças na capacidade devido ao seu natural processo de fabrico. Por exemplo, se as baterias forem de 30Ah, nunca têm efectivamente esta capacidade. Derivado ao processo de fabrico, algumas terão 30.01AH e outras têm 29.99AH (diferenças até 0,1% serão sempre desprezáveis por parte do fabricante aquando do controlo de qualidade). Com o uso da scooter, esta diferença entre células que compõem um pack de baterias vai-se acentuado pois nem todas apresentarão a resistência interna exactamente igual com o desgaste das baterias, motivo pelo qual também é necessário um BMS.

O que sucede então na sua utilização?

Durante a descarga

Vectrix Descarga

No conjunto das várias células, existirá uma que vai descarregar primeiro (por ter menos capacidade) que as demais. Assim quando uma delas estiver já descarregada, o veículo ainda funciona porque as outras ainda estão com carga. Ora o condutor do veículo não sabe que existe uma já descarregada por isso vai continuar a andar com o veículo. Essa bateria em particular vai ser descarregada para valores muito abaixo do recomendado pelo fabricante, e danifica-se. Depois de várias descargas nestas condições esta bateria deixará de armazenar energia. O tempo de vida útil do pack das 20 baterias vai ser comprometido, pois vai haver uma delas que se vai danificar primeiro. A scooter começará então a reduzir a sua autonomia. O BMS irá evitar este tipo de danos, uma vez que não permitirá que essa célula trabalhe em parâmetros fora das especificações do fabricante!

Durante a carga

Vectrix Carga

Do mesmo modo, durante a carga, existe uma ou outra bateria que carrega mais rapidamente que as outras (por ter menos capacidade) e assim quando essa já estiver carregada as outras ainda não estão. O carregador vai continuar a carregar e danificar a bateria que já está carregada por elevar a voltagem desta além das especificações do fabricante. Assim vai comprometer o tempo de vida útl do seu pack de 20 céulas. O BMS evitará que essa célula continue a carregar para além das especificações do fabricante, enquanto as restantes células ainda irão continuar a carregar até terminarem todas de carregar correctamente como o fabricante da bateria estipula!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s